Editorias / Água
HOME | Dicas e Guias | Guias | 2013 | Julho | Práticas conscientes na indústria reduzem o consumo de água

Água

15 de Julho de 2013

 

Práticas conscientes na indústria reduzem o consumo de água

aquapolo.jpg
Práticas como reuso, aproveitamento de água da chuva e limpeza a seco têm sido adotadas para gerar economia e reduzir o impacto ambiental
Foto: Aquapolo

De todo potencial de água que existe no planeta, quase um quinto (22%) é utilizado pela indústria, estima o site acadêmico Evergreen. Por isso, este setor tem papel fundamental na conservação do recurso natural.

Práticas como reuso, aproveitamento de água da chuva, limpeza a seco e uso consciente na produção têm sido adotadas para gerar economia na conta e, principalmente, reduzir o impacto da indústria na manutenção deste recurso. Veja alguns exemplos de grandes empresas que estão poupando o precioso líquido durante a fabricação de seus produtos.

Ambev - A fabricante de bebidas Ambev informou ter reduzido o consumo de água de sua produção em 36%, por meio da reutilização da matéria-prima nos últimos dez anos. Ao final do segundo semestre de 2002, a companhia tinha um índice de consumo médio de 536 litros de água para cada 100 litros de produção. Em 2012, a quantidade usada era de 340 litros para produzir obter o mesmo resultado.

Bacardi - Informou ter melhorado sua eficiência de água em 11% durante o ano de 2012 em relação a 2011, com medidas de conservação de água, equipamentos eficientes e reciclagem do recurso. Foram poupados 1,6 milhões de litros em 2012.

Braskem - Uma das maiores empresas petroquímicas do mundo, a Braskem sentiu a necessidade de buscar soluções sustentáveis nas suas operações industriais, já que utiliza cerca de 450 milhões de litros de água mensalmente - um número elevado para uma região da Grande São Paulo, que fornece em média 140 mil litros de água por habitante/ano, menos de 10% do que a ONU considera ideal. Para isso, recorreu ao projeto Aquapolo Ambiental, a maior iniciativa de água de reuso para fins industriais do Brasil.

Aquapolo (Idioma: Português) from Quebra Cabeça Filmes on Vimeo.

Coca-Cola -A multinacional alcançou seu menor nível de uso de água em 2012. A empresa passou a usar 1 litro e 400 ml para produzir um litro de cada um de seus produtos, são 30 ml a menos - um copo de cafezinho leva 50 ml, observando cada unidade. Mas ao todo a redução caiu de 9,4 milhões de metros cúbicos para 8,2 milhões, de 2011 em relação ao ano passado.

Google - A empresa adota datacenter (centro de processamento de dados, onde ficam os servidores) na Finlândia, que usa metade do que habitual com energia, água e outros recursos necessários para refrigerar os computadores.

Nestlé - A maior empresa mundial de nutrição, com operações industriais em 83 países, anunciou que desde 1988, até o fim de 2012, o uso de água na multinacional caiu 81%. Isso equivale a 25,8 milhões de m3, capaz de abastecer, por um ano, uma comunidade de 350 mil habitantes. Na emissão de carbono, a redução foi de 63%. A marca também tem realizado um projeto para reutilizar suas garrafas de água mineral, mas esta ação está em desenvolvimento e deve ser restrita às escolas.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital