Editorias / Vida e Saúde
HOME | Notícias | Bon Appétit: alimentação para um futuro sustentável

Vida e Saúde

17 de Setembro de 2010

Leia Também
 

Bon Appétit: alimentação para um futuro sustentável

 capa.jpg

Produzir alimentos ricos em sabor e nutrição, preparados desde o princípio com ingredientes autênticos e respeitando as comunidades e profissionais durante todo o processo. Essa é a missão da Bon Appétit Management Company – uma empresa que sonha em ser referência mundial por sua habilidade culinária e compromisso com práticas socialmente responsáveis.

Criada em 1987 por Fedele Bauccio e Ernie Collins, a empresa tinha como objetivo oferece à sua clientela, formada por empresas, universidades e clientes especiais, comida fresca, saborosa e de alta qualidade. Mas apenas em 1999 o grupo decidiu criar um programa especial para a sustentabilidade.

“A busca pelos melhores ingredientes levaram os nossos chefs a constatar que os galões de alimentos locais estavam desaparecendo e a comida estava sendo cultivada para ficar bonita, mas não necessariamente gostosa”, afirmam os criadores no site oficial.

Assim, eles criaram diversos programas direcionados à compra local de alimentos, combate ao uso excessivo de antibióticos, prioridade ao marisco sustentável, ovos de galinhas criadas livremente, ligação entre o alimento e as alterações climáticas e, mais recentemente, os direitos de trabalhadores rurais.

Com isso, o grupo já conquistou inúmeros prêmios na área e hoje fornece alimentos para 400 empresas, incluindo grandes nomes, como o eBay, Yahoo!, adidas America, Universidade de San Francisco e Instituto de Tecnologia de Massachusetts.

Confira alguns dos programas do Bon Appétit:

Do campo à mesa

Do campo à mesa é uma iniciativa do grupo para incentivar a compra de produtos locais. Assim, a primeira opção é sempre adquirir alimentos regionais, sazonais e produzidos organicamente por fazendeiros e produtores locais presentes dentro de um raio de 240 km. Esses produtos são geralmente consumidos menos de 48 horas após a colheita.

Comida marinha

Esse programa segue às orientações do Monterey Bay Aquarium's Seafood para realizar todas as compras de mariscos e peixes consumidos pelo grupo. Assim, pescados locais são sempre priorizados e o atum é “livre de golfinhos”, ou seja, foi pescado com técnicas inofensivas aos mamíferos, que costumam nadar sobre cardumes de atuns e acabam presos nas redes dos barcos que pescam por ali.

Carnes

A Bon Appétit trabalha junto com os fazendeiros para reduzir a quantidade de remédios dados a aves, vacas e porcos. A empresa compra apenas de frango e peito de peru que tenha sido produzido sem o uso não-terapêutico de antibióticos e hambúrgueres são feitos a partir de animais criados livremente, sem antibióticos ou hormônios e seguindo a uma dieta vegetariana.

Ovos de galinhas livres de gaiolas

A companhia só compra ovos se eles vierem de galinhas criadas livremente, longe das gaiolas e sistemas de produção mecanizados. Esses ovos atendem aos padrões de cuidados com animais da Humane Farm Animal Care.

Leiteria

O leite é livre de antibióticos e de hormônios de crescimento bovino recombinante (rBGH), quando disponível. As fontes locais também são a primeira escolha para a compra de leite.

Círculo de Responsabilidade

O Círculo de responsabilidade é um programa educacional criado pela Bon Appétit para ensinar ao seu pessoal e aos comensais sobre a sustentabilidade. Depois de concluir um treinamento, os agentes estão dispostos a empreender jantares e ensinar aos clientes sobre os princípios de sustentabilidade da empresa.

Além disso, cada agente exibe em seu estabelecimento as ferramentas educacionais do Círculo de Responsabilidade, que ajudam os clientes a identificarem os alimentos de acordo com as categorias: saúde, vegetariana, vegan, orgânico, local e de origem responsável.

Comércio Justo

A Bon Appétit apoia os direitos dos agricultores e oferece certificados de comércio justo, e de café orgânico e cultivado na sombra, sempre que possível.

Desafio da Alimentação Local

Este evento anual, realizado desde 2005, desafia cada restaurante e café Bon Appétit a servir uma refeição feita inteiramente de componentes cultivados dentro de um raio de 240 km de cada cozinha. Isso inclui todos os ingredientes da refeição, desde o leite e proteína, com exceção de sal.

Dieta de baixo carbono

A Dieta de baixo carbono, lançado em abril de 2007, é um esforço da Bon Appétit para reduzir a pegada de carbono de todos os seus cafés e restaurantes. A produção de alimentos, incluindo o processamento, transporte, embalagem, preparação e geração de resíduos, é o maior contribuinte individual para o aumento dos gases com efeito de estufa responsáveis pelas alterações climáticas globais.

Por isso, a Dieta de baixo carbono busca diminui esse impacto, reduzindo o consumo de alimentos com alto índice de emissão de carbono, como a carne, além de promover a sazonalidade, eliminar a água engarrafada e estrangeira, realizar auditorias de energia dos equipamentos e desenvolver programas de gestão inovadora de resíduos.

Os clientes ainda tem a oportunidade de calcular e reduzir a pegada de carbono de suas próprias escolhas alimentares através da calculadora de carbono, que você pode conferir aqui.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital