Editorias / Vida e Saúde
HOME | Notícias | Pesquisadores afirmam: felicidade pega!

Vida e Saúde

05 de Dezembro de 2008

 

Pesquisadores afirmam: felicidade pega!

felicidade7.jpg
Felicidade pega. É o que diz o estudo/Foto: Pachakutik

A felicidade das pessoas ao seu redor influencia na sua própria felicidade. É isso o que indica um estudo realizado por dois professores das Universidades de Harvard e da Califórnia e divulgado recentemente. A pesquisa levou 20 anos para ficar pronta e envolveu cinco mil indivíduos. Para os pesquisadores, uma pessoa feliz gera uma reação em cadeia que beneficia não só os seus amigos, mas os amigos dos seus amigos, e os amigos dos amigos de seus amigos.

Segundo o estudo, a felicidade se espalha através de redes sociais como um contágio emocional. Quando um indivíduo torna-se feliz, o efeito rede pode ser medido até três graus e durar até um ano. Já a tristeza, por outro lado, não se espalha através de redes sociais de forma tão enérgica como felicidade. Ainda bem!

Os pesquisadores dizem ter se interessado pelo tema depois de lerem diversos estudos sobre os fatores que influenciavam nos níveis de felicidade das pessoas. Diversas áreas da ciência, como medicina, economia, psicologia, neurociência e biologia evolutiva já tinham identificado uma ampla gama de estímulos para a felicidade (ou infelicidade), mas nenhuma havia abordado um eventual fator determinante da felicidade humana: a felicidade dos outros.

felicidade6.jpg
Pessoas felizes podem influenciar outras pessoas ao seu redor/Foto: Xav

No estudo, eles constataram que os estados emocionais podem ser transferidos diretamente de um indivíduo para outro pela cópia das ações corporais emocionalmente relevantes, em especial as expressões faciais. “As pessoas podem ‘capturar’ os estados emocionais apenas observando as outras pessoas em uma fração de tempo que pode variar de segundos a semanas”, afirmam.

Um exemplo disso foi notado quando um grupo de alunos classificados como “levemente depressivos” foram colocados juntos em uma classe. Em três meses, seus níveis de depressão haviam aumentado significativamente. Isso provaria que há a possibilidade de contágio emocional mesmo entre estranhos ou entre pessoas que possuam pouco contato.felicidade8.jpg

Os resultados do estudo também mostraram que pessoas que estão rodeados por outras pessoas felizes e aquelas que estão no centro da rede são mais susceptíveis à felicidade. O sentimento ainda pode ser influenciado por questões geográficas. Segundo os professores, ter amigos felizes a uma distância de até 1,6 km aumenta suas chances de felicidade em 25%. Em compensação, o efeito decai com o tempo e com a separação geográfica.

E tanta preocupação com o assunto não é para menos. A felicidade é um fator fundamental para a existência humana, tanto é que a Organização Mundial da Saúde (OMS) cada vez mais cita o sentimento como um dos componentes da saúde humana. Ela é determinada por um conjunto complexo de fatores voluntário e involuntário e, se a pesquisa estiver certa, pode está espalhada pelo ar.

Leia o artigo na íntegra (artigo em inglês).

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital