Editorias / Reduzir, Reutilizar, Reciclar
HOME | Notícias | TED Dianna Cohen: Duras verdades sobre a poluição do plástico

Reduzir, Reutilizar, Reciclar

01 de Dezembro de 2010

 

TED Dianna Cohen: Duras verdades sobre a poluição do plástico

capa.jpg

A artista visual Dianna Cohen trabalha com plásticos há mais de 20 anos. Foi utilizando o produto como matéria-prima para suas obras que ela começou a conhecer a fundo o funcionamento do material. E ao ver suas peças começando a rachar e a quebrar em pequenos pedaços de plástico, Dianna percebeu que aquele era um material ruim.

“É ruim que o plástico se quebre em pedacinhos menores, porque continua sendo plástico. E o que estamos descobrindo é que há um monte dele no ambiente marinho”, diz. Foi assim que ela começou a pesquisar sobre a mancha de lixo no Pacífico e a espiral de plástico presente em alguns pontos do oceano.

Ela conta que o impulso inicial foi de querer ir até o local e limpar o mar de todos os pedacinhos de plásticos que encontrasse. “Desenvolvi uma proposta de partir com um navio cargueiro e dois navios pesqueiros disponíveis, um guindaste, uma cortadora e uma máquina de moldagem a frio”, afirma.

A intenção era ir até a espiral, atrair atenção sobre este problema, e começar a recolher o plástico, cortá-lo em pedacinhos e moldá-lo a frio em tijolos que poderiam ser usados como material de construção em comunidades subdesenvolvidas.

Mas antes de colocar sua ideia mirabolante em prática, Dianna percebeu que a limpeza seria uma pequena gota no oceano se comparada com o quanto é gerado todos os dias ao redor do mundo.

“Na verdade, eu precisava recuar e olhar todo o cenário. E o cenário é: precisamos encontrar um modo de fechar a torneira. Precisamos conter a corrente de plásticos descartáveis e de único uso que estão entrando no ambiente marinho todos os dias em escala global.”

Assim, a ativista começou a combater não apenas as espirais de plástico que flutuam nos oceanos, mas também aquelas presentes nos supermercados, nas embalagens de comida e bebida e na maioria dos produtos industrializados.

“Então me juntei com um grupo de outras pessoas que examinam esse problema e criamos a Plastic Pollution Coalition”, conta. Hoje a organização possui diversas iniciativas de combate e conscientização sobre a poluição plástica.

Uma delas propõe um novo “R”, colocado de forma estratégica antes de Reduzir, Reutilizar e Reciclar: o Recusar. “Sempre que possível, recuse plásticos de uso único ou descartáveis. Alternativas existem. Algumas delas são bem antigas. Eu mesma coleciono agora esses potes bacanas da Pyrex e os uso ao invés dos potes tipo Tupperware para guardar comida. E eu sei que estou prestando um serviço a mim mesma e à minha família.”

Dianna conclui sua palestra lembrando que o problema do plástico nos oceanos foi criado por todos nós – consumidores. E que por isso mesmo nós temos o poder de solucioná-lo. “Podemos resolvê-lo criando consciência do problema e ensinando as pessoas a escolher alternativas. Podemos interromper o fluxo e, ao fazer isso, salvar nossos oceanos, salvar nosso planeta e a nós mesmos.”

Assista à palestra na íntegra (para ver com legenda em português, selecione a opção ao lado do play):

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital