Editorias / Educação
HOME | Notícias | Universitários auxiliam no aprendizado de alunos em escolas públicas do Rio

Educação

18 de Maio de 2010

 

Universitários auxiliam no aprendizado de alunos em escolas públicas do Rio

universitarios.jpg
Um dos objetivos do projeto é a melhoria da qualidade do ensino, possibilitando uma melhoria também no aprendizado dos alunos / Foto: Sxc.hu

Universitários da área de licenciatura vão dar aulas de reforço de português e matemática para cerca de 3 mil estudantes do 9º ano de 98 escolas municipais do Rio de Janeiro. Oferecendo uma bolsa-auxílio e possibilitando a troca de conhecimento e experiência, a iniciativa Entre Jovens espera diminuir os índices de evasão e repetência e melhorar o desempenho de estudantes do ensino médio.

A iniciativa resulta de uma parceria firmada no início do mês entre o Instituto Unibanco e a Secretaria Municipal de Educação, no prédio da Bolsa de Valores do Rio de Janeiro, no centro da cidade.

A secretária de Educação, Cláudia Costin, informou que oito escolas participam do projeto desde o ano passado e os resultados são tão positivos que a secretaria resolveu estender a experiência a 90 unidades da rede.

“Essas escolas receberam um reforço muito importante em 2009 para a melhoria da qualidade da aprendizagem para o 9º ano, que é um ano crítico para o sucesso no ensino médio, e também é um ano em que se acumularam déficits de aprendizagem recorrentes da implantação da aprovação automática, ou seja, é um ano que nos preocupa muito.”

Segundo avaliação do Projeto, mais de 60% dos alunos atendidos em 2009 tiveram algum ganho em proficiência nas disciplinas. Em 2010, a proposta do projeto é alcançar 3.00 alunos. Neste ano, haverá, ainda, uma avaliação de larga escala com grupo de controle de 66 escolas que serão atendidas em 2011.

Destaque para o Rio

Durante o evento que concretizou a parceria, houve a premiação de alunos, coordenadores e diretores de escolas e estagiários que já participam do projeto, criado em 2007, e que já beneficiou 12 mil alunos por meio de um convênio com o governo do estado.

Para Wanda Engel, superintendente do Instituto Unibanco, de todos os estados em que o projeto foi aplicado, o município do Rio de Janeiro foi o que apresentou o melhor resultado. "Esses alunos são os campeões nacionais", comentou a superintendente.

As aulas são ministradas por alunos das universidades do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Estácio de Sá, Castelo Branco, Veiga de Almeida e da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), instituições parceiras na iniciativa.

As classes de reforço são formadas por até 30 alunos, que têm carga de estudos de quatro horas semanais. Para os universitários, a experiência vale como estágio supervisionado ou atividade complementar. 

A bolsa-auxílio, creditada aos estudantes que irão desempenhar a função, será oferecida pelo Instituto Unibanco

 

*Com informações da Agência Brasil

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital