Editorias / Vida e Saúde
HOME | Posts | 2011 | Dezembro | EcoD Básico: Slow Food

Vida e Saúde

14 de Dezembro de 2011

Leia Também
 

EcoD Básico: Slow Food

slow-food8.jpg

O Slow Food é um movimento internacional cujo conceito é baseado na chamada ecogastronomia, no qual a ideia é conjugar o prazer de comer a uma alimentação com consciência e responsabilidade. Dessa forma, todo alimento consumido segundo os critérios do Slow Food devem assegurar atenção e cuidado a três fatores:

  • A preservação de sua origem e características culturais;
  • A garantia da qualidade e do sabor do alimento;
  • O cuidado com a biodiversidade e com o meio ambiente.

Dentro desse contexto, um alimento deve ser bom, limpo e justo. Isso significa que ele deva ter, além do sabor agradável e do cultivo de forma sustentável, uma preocupação com os produtores e com o valor pago pela comida. Os adeptos do movimento acreditam que os produtores devem receber o que é justo pelo seu trabalho. Nessa filosofia, todos são co-produtores e não meros consumidores, já que tendo informação sobre como o alimento é produzido e apoiando efetivamente os produtores, nos tornamos parceiros no processo de produção.

O conceito do Slow Food foi criado em resposta ao ritmo agitado da vida atual que fazem as pessoas recorrer a fast food, assim como ao desaparecimento das tradições culinárias regionais, ao decrescente interesse das pessoas na sua alimentação e na procedência e sabor dos alimentos.

slow-food7.jpg

As atividades da associação visam defender a biodiversidade na cadeia de distribuição alimentar, além de difundir a educação do gosto e incentivar a aproximação dos produtores de alimentos especiais com os consumidores, por meio de eventos e iniciativas.

O Slow Food também apóia um novo modelo de agricultura, menos intensiva, mais saudável e sustentável. Sua base é o conhecimento e o trabalho das comunidades locais, o que garante o desenvolvimento das regiões mais vulneráveis do nosso planeta de forma digna e sustentável. Ele opera tanto localmente como mundialmente junto de instituições internacionais como a FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação).

Ao todo são 80 mil associados de mais de 120 países que apóiam e colaboram com suas ações social e ambientalmente corretas.

slow-food.jpg

História

O Slow Food foi fundado em 1986, como uma associação "enogastronômica" (de vinhos e alimentação) pelo ativista alimentar Carlo Petrini na pequena cidade de Bra, situada no Norte da Itália. Seu objetivo inicial era de apoiar e defender a boa comida, o prazer gastronômico e um ritmo de vida mais lento. Mais tarde, a iniciativa foi ampliada para abranger a qualidade de vida e, como consequência lógica, a própria sobrevivência do planeta em que vivemos.

O nome foi criado para dizer não, de forma irônica, ao fast food. Slow Food significa um modo de vida sem pressa, começando pela mesa, daí também seu símbolo ser um caracol, que representa o movimento leve a alimentação devagar.

slow-food6.jpg

Abordagens

O Slow Food é dividido em três abordagens diferentes.

  • Redes – na qual cria a ligação entre produtor e consumidor por meio de feiras, eventos e mercados locais e internacionais para mostrar produtos alimentícios de qualidade. Acima de tudo, o Slow Food gerencia o Terra Madre que é hoje, ao mesmo tempo, um projeto que apóia ativamente as economias locais de pequeno porte que sejam sustentáveis e uma rede de 5.000 produtores de alimentos de 1.600 comunidades do ramo, com 1.000 cozinheiros e 400 acadêmicos de 150 países.
  • Educação - ajuda as pessoas a redescobrirem o prazer de alimentar-se e compreenderem a importância de entender de onde a sua comida é proveniente, quem faz e como é feita.
  • Biodiversidade – O Slow Food argumenta que os prazeres da mesa devem ser apoiados por uma tentativa centralizada de proteger a biodiversidade alimentar, ou seja, os incontáveis queijos tradicionais, grãos, vegetais, frutas e espécies animais que a alimentação de conveniência e o agro-negócio estão empurrando para a extinção.

slow-food4.jpg

Saiba mais acessando o manual do Slow Food

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital