Editorias / Eventos e Campanhas
HOME | Posts | 2011 | Março | Hora do Planeta prevê engajamento de 88 cidades brasileiras até o dia do evento

Eventos e Campanhas

24 de Março de 2011

Leia Também
 

Hora do Planeta prevê engajamento de 88 cidades brasileiras até o dia do evento

hora do planeta-campo grande
O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho, à esquerda, com Terezinha Martins e o coordenador do Programa Pantanal-Cerrado do WWF-Brasil, Michael Becker, oficializam a adesão da cidade ao movimento/Foto:
Prefeitura de Campo Grande/Denilson Secreta

Até o momento, 59 cidades, incluindo 11 capitais federais, formalizaram a adesão à Hora do Planeta 2011. Outras 29 prefeituras já se encontram na fase final de entrega do documento que indica quais monumentos terão suas luzes apagadas. As 11 capitais que aderiram são: Aracaju (SE), Belo Horizonte (MG), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), Natal (RN), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Vitória (ES).

A Hora do Planeta vai reunir milhares de pessoas em torno de ícones importantes das cidades, que ficarão às escuras. Além do ato simbólico pela conservação do planeta, muitas prefeituras vão promover mobilizações públicas e shows com artistas.

Nesta edição de 2011, o WWF-Brasil tem incentivado as cidades participantes do movimento a, além do apagar das luzes, se comprometerem com a conservação da natureza e com o desenvolvimento de projetos que visem a sustentabilidade ambiental.

A organização sugere ações de promoção do uso de meios de transporte menos poluentes e coleta de lixo seletiva para resolver problemas como alagamentos e complicações de trânsito após a temporada de fortes chuvas. Mas também há governos que incentivem a preservação das florestas brasileiras.

Um dos exemplos é o Estado do Acre, que realiza projetos de valorização de sua floresta e criou procedimentos para garantir que a população consuma madeira de origem legal. O objetivo é eliminar o uso de produtos de fontes desconhecidas, ilegais e predatórias.

hora do planeta-sp
São Paulo também apagará as luzes de ícones da cidade/Foto: Divulgação

Hora do Planeta no mundo

Em 2011, 13 novos países aderiram à Hora do Planeta. São eles: Jamaica, Uganda, Suíça, Irã, Tadjiquistão, Chade, Azerbaijão, Gibraltar, Palestina, Suriname, Usberquistão, Trinidad e Tobago, e Lesoto. São cerca de 3.800 cidades, em 131 países, entre 25 megacidades, como: Délhi, Mumbai, Buenos Aires, Moscou, Teerã, Istambul, Londres, São Paulo e Rio de Janeiro. Os sete continentes e todos os países que compõem o G-20 também estão representados.

60+

A edição da Hora do Planeta deste ano tem outra novidade, a promoção da plataforma de mobilização 60+. A ferramenta visa reunir iniciativas de pessoas de todo o mundo para mostrar que é possível enfrentar a ameaça do aquecimento global por meio de ações coletivas.

A proposta do Brasil, inicialmemte, terá como tema principal a "reciclagem". A ideia é esclarecer e influenciar os brasileiros sobre a importância da separação e reciclagem de resíduos sólidos, envolvendo governos, empresas e cidadãos.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital