Editorias / Consumo Consciente
HOME | Posts | 2012 | Agosto | Procon determina proibição da venda de sacolas biodegradáveis em Belo Horizonte

Consumo Consciente

01 de Agosto de 2012

Leia Também
 

Procon determina proibição da venda de sacolas biodegradáveis em Belo Horizonte

 sacolas-t.jpg
Desde que as sacolas plásticas foram proibidas na capital mineira, os supermercados passaram a vender as biodegradáveis por R$ 0,19. Foto:Divulgação/DM

A suspensão da venda de sacolas plásticas biodegradáveis em estabelecimentos comerciais de Belo Horizonte começa a valer a partir de quarta-feira, 1º de agosto. Elas passaram a ser usadas no lugar das sacolas plásticas convencionais, que eram distribuídas gratuitamente pelo comércio e foram proibidas em abril de 2011 por uma lei municipal, sob a justificativa da proteção ao meio ambiente.

De acordo com o Ministério Público de Minas Gerais, a medida é uma decisão administrativa cautelar do Procon-MG. O promotor Amauri Artimos da Matta entendeu que a venda de sacolas biodegradáveis teria provocado o fim da livre concorrência e prejuízo ao consumidor. Os estabelecimentos vão poder distribuir as sacolas biodegradáveis gratuitamente, mas não têm a obrigação de fazê-lo.

Segundo informações do Ministério Público, os comerciantes podem recorrer da decisão na Justiça ou na junta recursal do Procon-MG.

Desde que as sacolas plásticas foram proibidas na capital mineira, os supermercados passaram a vender as biodegradáveis por R$ 0,19. De acordo com o Procon-MG, não houve beneficio ambiental com a mudança, pois não há usinas de compostagem para o novo material.

 retornaveis-t.jpg
Sacolas retornáveis também são vendidas em boa parte dos estabelecimentos comerciais do Brasil, mas nem todos os consumidores querem pagar por elas. Foto:Imprensa GPA

Representantes da Associação Mineira de Supermercados (Amis) se reuniram na terça-feira, 31 de julho, e orientaram que as empresas cumpram a determinação. Cada uma delas deve decidir como atender aos seus clientes quanto ao fornecimento da embalagem para as compras. A associação informou ainda que solicitou um prazo maior para adaptação à nova regra.

Recursos derrubados em São Paulo

Já em São Paulo, onde os estabelecimentos comerciais estão obrigados a distribuir as sacolas biodegradáveis gratuitamente, o Tribunal de Justiça manteve tal obrigatoriedade na terça-feira, por meio de decisão em segunda instância. A 27ª Câmara de Direito Privado decidiu não analisar recursos que tentavam banir as sacolas plásticas e derrubar decisão judicial neste sentido.

Os recursos foram encaminhados para a Câmara Especial de Meio Ambiente, que agora deve analisar a matéria. Eles haviam sido solicitados pela Associação Paulista de Supermercados (Apas), Grupo Pão de Açúcar, Grupo Sonda e Carrefour. O setor luta para acabar com a entrega do material. No final de junho, o TJ ordenou a volta imediatada distribuição de sacolas plásticas e o fornecimento em 30 dias de sacolas biodegradáveis.

Esse prazo terminou na segunda-feira (30),mas alguns estabelecimentos não passaram a distribuir as sacolas biodegradáveis. A Apas, que representa as redes, não comentou a nova decisão, mas reafirmou que orienta os associados a cumprir o que o Justiça definiu.

O Pão de Açúcar informou que está abastecendo suas lojas com sacolas recicláveis.

O Carrefour informou que "todas as lojas do Estado de São Paulo já distribuem gratuitamente a nova opção de sacolinha descartável".

O Sonda informou que não vai se posicionar sobre o assunto, já que ele estaria "sob análise de seu departamento jurídico."

Com informações do G1, Estadão e Folha.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital