Editorias / Água
HOME | Posts | 2012 | Março | Mundo atinge ODM de acesso a água potável, afirma ONU

Água

06 de Março de 2012

Leia Também
 

Mundo atinge ODM de acesso a água potável, afirma ONU

 acesso a �ua pot�el melhora, mas saneamento preocupa
Acesso a água potável melhora, mas saneamento deixa a desejar/Foto: United Nations Development Programme

O mundo atingiu os chamados Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) ao reduzir pela metade a proporção de pessoas sem acesso à água potável, informou a ONU (Organização das Nações Unidas) na segunda-feira, 5 de março, por meio do relatório intitulado Programa de Monitoramento Conjunto para o Abastecimento de Água e o Saneamento, elaborado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

No entanto, o documento alerta que o mundo ainda está longe de atingir a meta de saneamento. O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, advertiu que é necessário manter os esforços para avançar: “[É preciso] assegurar que todas as pessoas tenham acesso aos mesmos".

O relatório aponta também as fragilidades das áreas rurais, ao evidenciar que, nos países menos desenvolvidos, 97 em cada 100 pessoas carecem de água canalizada e 14% da população bebem água de superfície – dos rios, das lagoas e dos lagos. Lançado simultaneamente em Genebra (Suíça) e Nova York (Estados Unidos), o documento analisa o período de 1990 a 2010.

Segundo o levantamento, mais de 2 bilhões de pessoas passaram a ter acesso a fontes de água de melhor qualidade, com abastecimento canalizado e poços protegidos. No fim de 2010, 89% da população mundial, o equivalente a 6,1 bilhões de pessoas, usaram fontes melhoradas de água potável - acima da meta dos 88% traçados pelos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

A estimativa é que até 2015, 92% da população global tenha acesso à água potável melhorada. Mas, pelo menos 11% da população mundial, o equivalente a 783 milhões de pessoas, continuam carentes de tal recurso. De acordo com os dados, 1,1 bilhão de pessoas continua sem redes de esgoto, e cerca de 4 mil crianças morrem diariamente por doenças diarréicas associadas à falta de qualidade da água.

"Os números são ainda chocantes”, ponderou o diretor executivo do Unicef, Anthony Lake. "Mas os progressos anunciados demonstram que as metas dos ODM podem ser alcançadas, com vontade, esforço e fundos", acrescentou.

Com base no relatório, apenas 63% da população mundial têm acesso a saneamento de qualidade. A previsão é que até 2015 esse percentual atinja 67%. "Melhorar a qualidade da água, do saneamento e das condições de higiene é fundamental para promover a saúde humana e o desenvolvimento", observou a diretora-geral da OMS, Margaret Chan.

Com informações da Agência Lusa.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital