Editorias / Cidades Sustentáveis
HOME | Posts | 2013 | Julho | Florianópolis lidera Índice de Desenvolvimento Humano no Brasil, revela ONU

Cidades Sustentáveis

29 de Julho de 2013

Leia Também
 

Florianópolis lidera Índice de Desenvolvimento Humano no Brasil, revela ONU

 ponte-ecod.jpg
Capital catarinense registrou IDHM de 0,847
Foto: omarsan

Nem o Rio de Janeiro, cidade mundialmente conhecida e cantada como "maravilhosa", repleta de megaeventos internacionais, tampouco São Paulo, com a sua pujança econômica, ou mesmo Curitiba, famosa por suas iniciativas de sustentabilidade. A capital mais desenvolvida do Brasil é Florianópolis, segundo o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal, divulgado nesta segunda-feira, 29 de julho, pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud).

Além da capital catarinense, Vitória, do Espírito Santo também têm IDHM superior a 0,8, considerado "muito alto" pela ONU. O índice trabalha com uma escala que vai de 0 a 1, na qual, quanto mais próximo de 1, melhor é a avaliação obtida.

Na lanterninha da lista, está Maceió (AL), a única capital brasileira com índice inferior ao da média do Brasil. A capital alagoana ficou com 0,721, contra 0,727 do Brasil. Entre 0,7 e 0,799, o grau de desenvolvimento é considerado "alto".

Em nível geral, quando não são consideradas somente as capitais, São Caetano do Sul, na região do ABC, em São Paulo, aparece com o melhor IDHM do país (0,862). No outro extremo está Melgaço, no Pará, com 0,418.

Brasil registrou um salto de 47,8% no (IDHM) do país entre 1991 e 2010

A medição realizada pela Organização das Nações Unidas utiliza dados do Censo 2010, do IBGE, e considera indicadores de educação, renda e expectativa de vida para traçar um panorama sobre a qualidade de vida de diversas localidades do país.

O Brasil registrou um salto de 47,8% no Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) do país entre 1991 e 2010, um avanço consistente puxado pela melhora acentuada dos municípios menos desenvolvidos nas três dimensões acompanhadas pelo índice: longevidade, educação e renda - saltou de 0,493 (Muito Baixo Desenvolvimento Humano) para 0,727 (Alto Desenvolvimento Humano).

Sobre o Atlas Brasil 2013

O Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013 traz uma ferramenta gratuita de acesso a informações sobre 5.565 municípios brasileiros, útil tanto para os gestores públicos quanto para a sociedade em geral. Nele estão contidos o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) para cada município e os resultados da análise de mais de 180 indicadores socioeconômicos do país – também sob a perspectiva municipal: entre eles demografia, educação, renda, habitação, trabalho e vulnerabilidade.

Apesar de ter sua metodologia baseada no cálculo do IDH Global (publicado anualmente pela sede do Pnud em Nova York para mais de 150 países), a comparação entre IDHM e IDH não é possível, já que o IDHM é uma adaptação metodológica do IDH ao nível municipal, utilizando outra base de dados (neste caso, os Censos do IBGE). Ambos agregam as dimensões longevidade, educação e renda, mas com diferentes indicadores e base de dados para retratar estas dimensões.

O IDHM é elaborado em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) e a Fundação João Pinheiro (FJP). Os dados são calculados com base nos Censos Demográficos de 1991, 2000 e 2010, do IBGE.

1º Florianópolis - 0,847
2º Vitória - 0,845
3º Brasília - 0,824
4º Curitiba - 0,823
5º Belo Horizonte - 0,810
6º São Paulo - 0,805
7º Porto Alegre - 0,805
8º Rio de Janeiro - 0,799
9º Goiânia - 0,799
10º Palmas - 0,788
11º Cuiabá - 0,785
12º Campo Grande - 0,784
13º Recife - 0,772
14º Aracaju - 0,770
15º São Luís - 0,768
16º Natal - 0,763
17º João Pessoa - 0,763
18º Salvador - 0,759
19º Fortaleza - 0,754
20º Boa Vista - 0,752
21º Teresina- 0,751
22º Belém - 0,746
23º Manaus - 0,737
24º Porto Velho - 0,736
25º Macapá - 0,733
26º Rio Branco - 0,727
27º Maceió - 0,721

 

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital