Editorias / Arquitetura e Construção
HOME | Posts | 2014 | Fábrica de automóveis em Joinville é a primeira da América do Sul a conquistar selo Leed Gold

Arquitetura e Construção

13 de Março de 2014

Leia Também
 

Fábrica de automóveis em Joinville é a primeira da América do Sul a conquistar selo Leed Gold

gm1-ecod.jpg
Planta industrial de Joinville atingiu 60 dos 110 pontos possíveis da certificação
Fotos: Divulgação/GM

A fábrica de motores e cabeçotes da General Motors do Brasil, em Joinville (SC), tornou-se na quarta-feira, 12 de março, a primeira planta industrial do setor automotivo da América do Sul a conquistar o selo Leed (Leadership in Energy and Environmental Design), concedido pela organização internacional U.S Green Building Council (GBC).

Para receber a certificação, a fábrica inaugurada há cerca de um ano implantou uma série de medidas consideradas ambientalmente corretas na construção, tais como: geração de energia solar fotovoltaica, economia de água e eletricidade, tratamento de esgotos por meio de jardins filtrantes e filtragem de água por osmose reversa (o recurso é reutilizado nos vasos sanitários e em âmbito industrial).

“A performance ambiental da fábrica de Joinville estava em nosso foco desde o início do projeto [em meados de 2010]”, destacou o presidente da GM Brasil, Santiago Chamorro. “Esta operação incorpora a perspectiva da GM de integrar a sustentabilidade em cada decisão que tomamos - desde construir fábricas eficientes até desenhar veículos eficientes”, ressaltou.

O Leed é um sistema de certificação que avalia e classifica as melhores práticas e iniciativas da construção civil em termos de sustentabilidade nas fases de concepção, construção e na operação propriamente dita do empreendimento.

De acordo com a montadora, a unidade de Joinville passou por vários processos ambientais para atingir 60 dos 110 pontos possíveis da certificação Leed Gold, que conta com oito requisitos obrigatórios. Até então, a única fábrica da GM a contar com o selo em todo o mundo era a Lansing Delta Township, situada em Michigan (EUA). Quatro sedes comerciais da empresa também já conquistaram o atestado do GBC.

Energia solar

O sistema fotovoltaico da fábrica de Joinville conta com 1.280 módulos, que ocupam uma área de 2.115 metros quadrados e geram energia para toda a unidade industrial. Segundo a GM, a eletricidade produzida por esse processo equivale ao consumo de 220 casas e evitará a emissão de 10,5 toneladas de dióxido de carbono (CO2) por ano.

Já o sistema de aquecimento solar (voltado para suprir as necessidades dos vestiários e cozinha) tem capacidade para fornecer 15.000 litros de água quente por dia, o equivalente ao consumo de 750 pessoas. A iniciativa evita a emissão de 17,6 toneladas de CO2 por ano. Segundo o presidente do GBC Brasil, Felipe Faria, as metas de eficiência energética costumam ser o fator mais difícil para que uma planta industrial fique apta a conquistar o selo Leed.

gm2-ecod.jpg
Santiago Chaporro, presidente da GM do Brasil, recebe a certificação Leed Gold das mãos de Felipe Faria, do GBC Brasil

Outras medidas

Além da eficiência energética, outros fatores que contribuíram para que a fábrica de Joinville conquistasse o Leed Gold foram:

• Reciclagem de 100% dos resíduos industriais reciclados (landfill free) - pelo programa “Zero Aterro”, todos os resíduos do processo produtivo são reutilizados, reciclados ou coprocessados;
• Redução de 57,2% no consumo de água para metais de fluxo e descarga;
• Economia de 22,9 milhões de litros de água (o equivalente a nove piscinas olímpicas);
• Torneiras e descargas de baixo fluxo e com sensor ou temporizador;
• Reutilização de 26.000 m3 por ano de água (volume equivalente ao abastecimento de 95 casas);
• Diminuição da emissão de 119 toneladas de CO2;
• Gerenciamento de efluentes líquidos por meio de jardins filtrantes (sem produtos químicos).

Com investimentos de R$ 350 milhões, a fábrica da GM em Joinville produz os motores que equipam os modelos Chevrolet Onix e Prisma, além de cabeçotes de alumínio que são destinados as unidades industriais de Gravataí (RS) e Rosário (Argentina).

* O repórter viajou a convite da General Motors do Brasil.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital