Editorias / Arquitetura e Construção
HOME | Posts | 2016 | Posts | Fevereiro | Empresário paulista constrói casa sustentável para dar bom exemplo a neta

Arquitetura e Construção

22 de Fevereiro de 2016

Leia Também
 

Empresário paulista constrói casa sustentável para dar bom exemplo a neta

casasustentavel-ecod.jpg

Para usar menos recursos naturais, várias tecnologias foram aplicadas em uma residência na região metropolitana de Campinas. A primeira casa com certificação Leed For Homes no país foi planejada e construída por motivações que vão muito além de diminuição de custos, investimentos ou crises hídricas e energéticas. Finalizada há pouco mais de quatro meses, a obra foi pensada e estruturada para garantir a manutenção dos recursos naturais e dar exemplo.

A certificação atribuída à residência do proprietário, que é engenheiro, visa não só o bem da sociedade e do meio ambiente, mas a consolidação do desejo do dono, que queria fazer diferença quanto ao mundo que deixará para sua neta. Desta forma, o objetivo da obra em si não era a certificação, mas como os desejos do proprietário coincidiram com os requisitos para a certificação, o selo se tornou possibilidade e um desejo para ele.

Entre as principais tecnologias utilizadas na casa estão o reaproveitamento de água da chuva, a reutilização de água cinza (em descarga, rega de jardim etc.), eletrodomésticos com tecnologia inverter (que economizam até 40% de energia elétrica), luminárias com lâmpadas do tipo LED, pisos e revestimentos produzidos de maneira sustentável e com material reciclado, além de sistema de aquecimento solar para as água do banho e sistema de placas fotovoltaicas para produção de energia, desenvolvido e instalado pela Neosolar Energia.

A residência tem capacidade para gerar 250 kWhde energia por mês.

Ainda sobre a energia, o engenheiro comenta que, mesmo que a casa não fosse certificada, a produção por meio de fonte solar era uma de suas prioridades desde a concepção do projeto. Agora que está concluído, a residência tem capacidade para gerar 250 kWh de energia por mês.

Para conseguir realizar o desejo de ter uma casa que servisse como modelo de eficiência energética, com consumo consciente de recursos hídricos e práticas sustentáveis na utilização dos recursos naturais para as gerações futuras, o proprietário contou com o trabalho da Neosolar Energia e outras empresas e profissionais, todos pioneiros na construção sustentável no país.

painel-ecod.jpg

Soluções para residências
Para o consumidor que pretende instalar um sistema gerador de energia de micro ou minigeração distribuída a partir da energia solar, o sistema fotovoltaico Conectado ou Grid Tie precisa de alguns componentes básicos que possam garantir seu funcionamento.

O painel solar, responsável pela captação da radiação solar, é formado por várias células fotovoltaicas, que usam o silício como matéria-prima. A quantidade de painéis solares varia de acordo com o consumo de energia. Para uma residência com consumo de 200 kWh/mês são necessários de seis a oito painéis de 1,7 m² cada.

Já os inversores transformam a energia elétrica vinda dos painéis solares em corrente alternada (110 ou 220V), para ser usada na rede doméstica. Além disso, eles fazem o sincronismo da energia solar com a rede elétrica, e também o balanço entre a fonte solar e a energia da rede convencional, garantindo o maior retorno e abastecimento contínuo.

Leed for Homes
Leed For Homes é um selo ambiental internacional, reconhecido em 154 países. A certificação orienta e atesta o comprometimento de uma construção com os princípios da sustentabilidade antes, durante e depois da obra. Para que a casa seja certificada levam-se em conta os seguintes quesitos: uso racional da água; eficiência energética; redução, reutilização e reciclagem de materiais e recursos; qualidade dos ambientes internos; espaço sustentável; inovação e tecnologia; e atendimento a necessidades locais, definidas pelos próprios profissionais da GBC (Conselho de Construção Sustentável do Brasil), que variam de construção para construção.

Além destes componentes, há também uma estrutura de alumínio, que é responsável pela fixação dos painéis no telhado, garantindo a inclinação no ângulo adequado para a melhor captação da luz solar.

Com a Resolução Normativa 687/2015 (que atualizou a RN 482/2012), publicada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que regulamenta a micro e mini produção de energia, proprietários de residências, comércio e indústria podem produzir sua própria energia. A maior novidade é que as concessionárias devem adequar seus medidores a um modelo que permita que a energia gerada e não consumida no local possa ser enviada à rede, para consumo em outro ponto, e gerar créditos para o consumidor na próxima fatura.

Por se tratar de uma inovação e um sistema feito para durar 30 anos, os caminhos a serem percorridos pelo cliente que optar pela utilização de energia solar nas grandes cidades deverá ser mais cuidadoso. Assim, toda e qualquer decisão deverá ser tomada com o auxílio de profissionais com larga experiência no setor.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital