Editorias / Biodiversidade
HOME | Posts | 2016 | Posts | Janeiro | Expedição da Nasa nos oceanos promete dados inéditos sobre recifes de coral

Biodiversidade

08 de Janeiro de 2016

Leia Também
 

Expedição da Nasa nos oceanos promete dados inéditos sobre recifes de coral

nasa-destaque.jpg
Imagem aérea da Grande Barreira de Corais da Austrália, uma das tantas que serão estudadas pelo Coral no início deste ano
Foto: Nasa

A Nasa vai lançar em 2016 uma expedição que durará três anos, mas o foco não será o espaço. A agência espacial americana usará instrumentos avançados em aviões e na água para examinar os recifes de coral ao redor do mundo, prometendo oferecer detalhes até então desconhecidos por pesquisadores.

O Coral (Laboratório de Recifes de Coral Airborne) vai medir a condição destes ecossistemas ameaçados e criar uma base de dados única. 

Operado pela NOAA (National Oceanic and Atmospheric Administration), agência de estudos meteorológicos e oceanográficos dos EUA, o projeto Coral Reef Watch prevê e relata as condições dos recifes de coral nas regiões tropicais, que são aquelas onde existem essas formações.

Os especialistas da Nasa relembram que o primeiro mapeamento dos recifes de coral e sua distribuição no mundo foi feito por Charles Darwin durante a sua viagem no navio Beagle, de 1832 a 1836. Ao voltar, um dos fatos que conferiu maior respeito científico ao trabalho de Darwin foi a comunicação sobre a teoria da origem dos recifes que o grande cientista fez à Sociedade Geológica de Londres, no dia 31 de maio de 1837. Darwin publicou, em 1842, um mapa sobre a estrutura e distribuição dos corais no mundo com o título: The Structure and Distribution of Coral Reefs.

Saiba mais
Os recifes de coral são formações resultantes do acúmulo de corais e de calcário de certas algas que, com o tempo e em condições favoráveis, se transformam numa ilha ou, pelo menos num atol (ilha oceânica em forma de anel). Nessa ilha, surgem estruturas coralíneas e de outros invertebrados, com o nascimento de uma lagoa interna, sem nenhuma ligação aparente com as rochas da crosta.

São ecossistemas com grande produtividade e biodiversidade. Em muitos casos, permitem pescarias intensas e turismo. A própria rocha é também utilizada em construção, principalmente em recifes que já se integraram à terra firme. Mas tudo isso exige permanentes cuidados de proteção ambiental.

Faça sua doação!

Estamos precisando muito da sua ajuda e qualquer valor doado é de grande importância.

Você pode impedir que este trabalho importante de conscientização acabe, fazendo sua doação. Todos os recursos obtidos serão utilizados para a manutenção de nossas atividades. Vale lembrar que todo conteúdo é 100% gratuito e acessível a qualquer cidadão.

Clique aqui e saiba como fazer a sua doação!

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital