Editorias / Voluntariado
HOME | Posts | 2014 | Voluntários consertam produtos de graça para protestar contra a obsolescência programada

Voluntariado

25 de Julho de 2014

Leia Também
 

Voluntários consertam produtos de graça para protestar contra a obsolescência programada

cafe-repair-ecod.jpg
Voluntários se reúnem para consertar itens que vão de brinquedos quebrados e roupas descosturadas a secadores de cabelo que não funcionam mais
Fotos: Repair Café/Divulgação

Mais uma iniciativa que poderia servir de exemplo para as cidades brasileiras. Quem é que nunca ouviu a seguinte constatação: "Os produtos de hoje são feitos para durar pouco. Os de antigamente eram mais resistentes e menos descartáveis"? A curta vida útil dos produtos atende pelo nome de obsolescência programada, tema que já foi abordado algumas vezes aqui no EcoD.

Ao pensar nos prejuízos que a obsolescência programada pode trazer ao meio ambiente, foi criado o Repair Café (Café Reparo), um conceito de café bem diferente do convencional, no qual voluntários da vizinhança se reúnem para consertar objetos quebrados em vez de jogá-los fora e comprar novos.

O primeiro Repair Café do mundo foi criado em Amsterdã, na Holanda, por Martine Postma. Em um determinado dia da semana, voluntários se reúnem para consertar itens que vão de brinquedos quebrados e roupas descosturadas a secadores de cabelo que não funcionam mais. Todos os reparos são feitos gratuitamente, como em uma troca de gentilezas e aprendizado entre os moradores da região.

A ideia deu tão certo que hoje existem mais de 300 Repair Cafés em mais de 10 países do mundo. No Brasil há um único Repair Café, realizado em Santos (SP) por meio da Andes.

Comentários

Deixe sua opinião sobre este assunto.

 
Dicas
Veja Mais Dicas
Guias
Veja Mais Guias
 
Shopping EcoD
Abrasivo Digital